Ecce Homo – Ragusa

pe. giovanni, fidei donum


Lascia un commento

Eu sei que És a fonte e a origem da Vida

Súplica a Deus Brasileiro no tempo eleitoral

Sexta-feira, 1 de outubro de 2010 – 11h19min por Zé Vicente – poeta e cantor da caminhada popular. E-mail: zvi@uol.com.br

 

Meu Deus Brasileiro concede que assim te chame e assim ti clame,
Ao contemplar a grandeza e a beleza que de ti emana em nossos mares e biomas,
Em nossa gente tão diversa e tal capaz, em nossa Pátria tão grandiosa e graciosa, Brasil!

Eu sei que És a fonte e a origem da Vida, e que é pouco demais chamar-te com nossas palavras e títulos. E nenhuma intenção, por melhor que seja, pode reduzir-te ao nosso gênero homem ou mulher e às nossas intenções particulares! És tudo em todos e em todas as criaturas!

Ó Deus Brasileiro, que o teu Espírito sopro e luz, se faça presente nestes instantes em que estamos mergulhados na maior campanha eleitoral de nossa história.
Ilumine-nos e desarme-nos das ambições pessoais, de nossos medos e preconceitos, que nos aprisionam ao que já passou e não serve mais como sementes do futuro!

A presença das mulheres nesta campanha para Presidente é sinal e elemento de Esperança e afirmação de mudança, para o país que precisamos construir.

Que nada, ó Divina Estrela Guia, possa interromper essa caminhada rumo ao dia em que uma mulher possa assumir o posto de Servidora Pública Número 1 de nossa Pátria e de nossa gente, principalmente das grandes maiorias sem terra, sem teto, sem toda assistência que um Governo e um Estado devem ao seu povo!

Dá-nos, a nós homens, a humildade que nos livra de todo machismo!Cura as mulheres que também foram contaminadas por tal doença!

Liberta-nos de candidatos e candidatas que usam o dinheiro, as ameaças, as mentiras para confundir e entravar nosso caminho de amadurecimento na democracia popular!

Confunde, sim, a quem em teu nome sagrado, usa a palavra, a fé e os altares, numa falsa postura não partidária, para semear nos corações a dúvida, o medo e o preconceito, contra quem não reza de seu jeito!

Livra-nos dos poderosos escondidos na escuridão e nos bastidores do poder, criminosos e traficantes de interesses dos inimigos do Brasil!

Tua força esteja na nossa união, quando movida para o bem maior! Tua justiça brilhe em nossos sonhos e atos para criamos leis e instrumentos como a da Ficha Limpa e outras que precisamos para fazer da Política bons ensaios do teu Reino entre nós!

Bendito seja, ó Deus Brasileiro, pelos avanços conquistados, pelos homens e mulheres que não se venderam e nem se renderam ao poder das elites do dinheiro, do latifúndio, da grande mídia, do grande mercado!

Bendito és, pela juventude militante, que sabe distinguir onde está o rumo certo e segue adiante, sem medo de aprender com os possíveis erros, contando com tua luminosa presença!

Seremos vigilantes em teu nome! Seguiremos adiante, animados pelo firme exemplo de Maria, mãe de teu filho, que canta pelos séculos a derrota dos poderosos e a vitória dos humilhados em todas as nações da terra, também do nosso Brasil! Assim seja!

 


Lascia un commento

Seu nome é Jesus Cristo

SEU NOME É JESUS CRISTO de Padre André Luna (musica e video de seguida no blog)

 

Seu nome é Jesus Cristo passa fome

E grita pela boca dos famintos

E a gente quando o vê passa adiante,

Às vezes pra chegar depressa à igreja.

Seu nome é Jesus Cristo e está sem casa

E dorme pelas beiras das calçadas

E a gente quando o vê aperta o passo

E diz que ele dormiu embriagado.

 

Entre nós está e não o conhecemos.

Entre nós está e nós o desprezamos (2 x)

 

Seu nome é Jesus Cristo e é analfabeto

E vive mendigando um subemprego.

E a gente quando o vê diz: "É um à toa,

Melhor que trabalhasse e não pedisse".

Seu nome é Jesus Cristo e está banido

Das rodas sociais e das igrejas

porque dele fizeram um rei potente,

Enquanto que ele vive com o pobre.

 

Seu nome é Jesus Cristo e está doente

E vive atrás das grades da cadeia.

E nós tão raramente vamos vê-lo,

Sabemos que ele é um marginal.

Seu nome é Jesus Cristo e anda sedento

Por um mundo de amor e de justiça,

Mas logo que contesta pela paz

A ordem o obriga a ser de guerra.

 

Seu nome é Jesus Cristo e é difamado

E vive nos imundos meretrícios,

Mas muitos o expulsam da cidade

Com medo de estender a mão a ele.

Seu nome é Jesus Cristo e é todo homem

Que vive neste mundo ou quer viver,

Pois pra ele não existem mais fronteiras,

Só quer fazer de nós todos irmãos.