Ecce Homo – Ragusa

pe. giovanni, fidei donum

INFANCIA MISSIONARIA: os 10 anos de TEJUPÁ

Lascia un commento

 

10 ANOS DE IAM

(Infancia e Adolescencia Missionaria) 

EM TEJUPÁ

“A IAM em Tejupá deu inicio no Distrito de Águas Virtuosas no dia 01 de março de 1998 na garagem da Fazenda Bebedouro onde eu Ana Claudia residia e tendo apenas 10 anos eu mesma coordenava esse grupo de oito crianças que moravam nas Fazendas vizinhas, contando com a ajuda do Padre local Padre Cláudio Bícego que fornecia o material.

Um fator importante para a IAM de Tejupá foi poder contar com a ajuda da irmã do Pe. Cláudio, Irmã Helena também missionária Xaveriana que me orientava pelo telefone. E como Infância Missionária é ‘Criança que evangeliza criança’ deu muito certo.

As crianças participavam bem de seus compromissos semanais, ficavam quietos e até porque uma vez ameacei quem não ficasse quieto que colocaria de joelhos no milho para rezar, pois sempre ouvia os adultos dizerem que os professores antigamente colocavam os alunos de joelho no milho e dava certo, mas a primeira tentativa fui surpreendida pela minha mãe que disse que se eu fizesse isso quem iria ficar de joelhos no milho seria eu.

Pessoas que viram meu esforço fizeram doação de lousa e cadeiras, onde permanecemos por um tempo e depois passamos ao Centro Catequético do Distrito de Águas Virtuosas onde permanecemos até hoje.

A mudança do local foi para incentivar as crianças do bairro a fazerem a catequese, pois os pais não viam lugar na igreja para seus filhos e na IAM eles encontraram e mais uma vez assumimos nosso papel de Evangelização. Tivemos algumas dificuldades, pois nossos irmãos evangélicos resolveram reunir crianças no mesmo horário da IAM para dar o que comer a elas, mas quando é para Deus tudo se resolve.

Nas atividades missionárias semanais sempre cumpria a risca, saiamos em missão para visitar doentes, fazer campanhas, etc. E o mais bonito foi ver despertar através dos testemunhos das crianças o gesto da partilha.

Um fato que me recordo é de um menino de boa condição financeira que não desapegava das roupas que já nem usava mais e não deixava a mãe fazer doações, até que em um encontro a proposta era de doar aquilo que para nós esta de sobra para as crianças que necessitam, e ele de livre e espontânea vontade chegou em casa e tirou do armário todas as roupas que não usava e doou. A mãe dele me ligou desesperada perguntado o que havia acontecido com ele e eu expliquei que era Deus agindo, pois o encontro daquele dia propunha Doação e Partilha.

Também um outro fato de uma senhora doente que ao receber a visita das crianças começou a chorar, pois q tempo não recebia visitas de ninguém. São esse os fatos que animam nossos corações e a IAM.

Dado certo a iniciativa da IAM em Taquaras, no ano de 2000 no dia 08 de março o Distrito de Ribeirão Bonito com ajuda do Padre Cláudio contou com o numero de 84 crianças para a sua primeira reunião. No mesmo ano foi possível realizar o 1° Encontro de Formação com as missionárias Xaverianas de Santa Mariana-PR, tendo presente crianças, acessores e adultos dos dois Distritos e de Tejupá.

Em 2002 aconteceu um fato marcante na vida dos Pequenos Missionários, nossa Consagração feita pelo Padre Gabriel Guarnieri onde nos sentimos mais comprometidos com a IAM.

No Distrito de Ribeirão Bonito no ano de 2004 as crianças passaram a rezar o terço missionário nas casas com a visita das imagens dos Padroeiros da IM (Santa Terezinha do Menino Jesus e São Francisco Xavier).

Diante a falta de coordenador em Tejupá e já tendo uma equipe com minha duas irmãs Isabella e Maria Beatriz e mais cinco crianças (Patrícia, Rita, Jéssica, Thais e Ériton), o pároco me sugeriu que assumisse a coordenação de Tejupá que na época contava com 10 crianças e ajuda do casal Gelson e Eliana que se dedicaram e ajudaram a sair com as crianças nas ruas de casa em casa convidando outras crianças a participarem da IAM e assim ampliando o numero para 30 participantes.

Em 2005 ainda na época do Padre Luiz a IAM de Tejupá conseguiu um espaço dentro da escola estadual Professora de Souza Helena que por motivo do cancelamento do programa escola da Família tivemos que voltar para as salinhas de catequese. Padre Luiz foi embora em 2006 e Padre Gilson assumiu a paróquia dando as crianças um espaço na liturgia das Santas Missas e nos propôs formar um coral das crianças das IAM onde Tejupá com 50 crianças se apresentaram pela primeira vez no Culto Ecumênico da Festa de Peão de Tejupá, depois disso assumimos o 1° domingo de cada mês e no Distrito de Águas Virtuosas apenas o 5° domingo e o Distrito de Ribeirão Bonito nos 4° sábados. 

Para uma melhor interação das crianças fizemos uma viagem para o Horto Florestal de Manduri onde fizemos trilhas e piquenique.

Em outubro de 2007 na semana das missões as crianças dos Distritos e de Tejupá saíram em duplas de casa em casa cada uma em seu respectivo lugar para arrecadação do dinheiro para as missões, conseguindo um total de R$ 670,00.

 Hoje graças a Deus em Tejupá contamos com o numero de 30 crianças que participam ativos no coral de Santa Terezinha do Menino Jesus e são responsáveis pela missa do 2° domingo, no Distrito de Águas com 28 crianças responsáveis pela liturgia do 1° domingo e o Distrito de Ribeirão Bonito aos 4° sábados todos juntos com a Catequese e a Pastoral da Criança.

Annunci

Effettua il login con uno di questi metodi per inviare il tuo commento:

Logo WordPress.com

Stai commentando usando il tuo account WordPress.com. Chiudi sessione / Modifica )

Foto Twitter

Stai commentando usando il tuo account Twitter. Chiudi sessione / Modifica )

Foto di Facebook

Stai commentando usando il tuo account Facebook. Chiudi sessione / Modifica )

Google+ photo

Stai commentando usando il tuo account Google+. Chiudi sessione / Modifica )

Connessione a %s...